domingo, 8 de junho de 2008

C O O P E R A T I V A

Walter Meireles é escritor e da Reserva Remunerada da Força Aérea Brasileira, um legítimo "Filho da Terra do Cacau", título de seu último livro lançado em terceira edição e já traduzido para o inglês.

Nobre Ideal, talvez o mais significativo por seu lema fraterno robustecendo a solidariedade, a tal ponto de causar surpresa àqueles que sonham em equacionar o bem-estar da sociedade humana em geral.
Quando na ativa da Força Aérea Brasileira, o Cel. Meireles, vislumbrou – nos seus estudos – o tipo de associação que lhe pareceu perfeita para solucionar os problemas que lhe afligia ao constatar as dificuldades e a exploração aos menos privilegiados.
Hoje na reserva remunerada, encontra-se mergulhado num mar imenso de labuta em torno de seu ideal, o qual é na verdade de todos que querem ser solidários e praticar a ajuda mútua, a Cooperativa de Turismo, Cultura e Lazer, Responsável e Sustentável do Jovem da Boa e da Melhor Idade (COOPERBOM TURISMO LTDA) – abrangente a todo nosso país e exterior - fundada há sete meses.
Como no Brasil não é comum lidar-se com o cooperativismo, não existindo ainda em nosso meio social uma fortalecida prática desta doutrina como já é comum em outros países, nem sempre é tranqüilo encontrar-se facilidade para se arrebanhar interessados e convencê-los a associar-se a esse humanitário empreendimento. Surgindo daí um trabalho quase exaustivo para se conseguir adeptos a fim de fortalecer a instituição, o que já é previsto devido a este desconhecimento quase generalizado de sua filosofia.
Sabe-se, contudo, que é muito forte o cooperativismo nos países mais adiantados, como os Estados Unidos, Canadá e praticamente em todos os países da Europa. Enquanto no Brasil estamos muito atrasados nesta particularidade.
Surge agora, entretanto, pela COPERBOM TURISMO, como um veio de mina de preciosidades, a ocasião oportuna de se participar efetivamente desta sociedade forjada na democracia e que nos dá esperanças de levar à nossa população este método de solidariedade contido de normas especiais, dignos de toda nossa confiança por estarem amarradas em artigos de nossa carta magna que incentivam sua criação de forma clara e efetiva.
A seriedade que norteia este nobre empreendimento merece todo nosso apoio, e para isto, devemos nos voluntariarmos como sócio e termos em mente, em primeiro plano, o desenvolvimento turístico e cultural de nossa região, que naturalmente, por ser feito por meio de uma cooperativa, dependerá fundamentalmente da colaboração mútua. Afinal, é interesse de todos que nossa sociedade cresça e melhore, pois somente assim todos igualitariamente serão beneficiados.
É bom que esclareçamos aos menos conhecedores do assunto que o próprio termo “cooperativa” já em sua tradição abarca identidade com a democracia e a ética por meio da ajuda mútua, nenhum afiliado deve levar vantagem pessoal, todos são iguais na divisão das sobras (lucros) e possuem os mesmos direitos. Para o cumprimento dessa norma, ela está registrada em cartório público, devendo qualquer esclarecimento ser oferecido de imediato pela diretoria, a qual deve se fundamentar em estatuto aprovado pelos cooperados.
Qualquer um dos membros pode, em caso de qualquer dúvida, juntar-se a 20% dos sócios em desacordo com a administração e convocar uma assembléia e propor a substituição de qualquer membro da diretoria, colocando outro sócio em seu lugar. Como se observa, é algo muito sério e um instrumento perfeito para se exercer a cidadania.
Fundamos a COOPERBOM TURISMO com vinte pessoas – como é de praxe – composta de personalidades de destaque da cidade, como advogados, militares das Forças Armadas, médicos, professores e pessoas mais simples, porém todos nivelados nas questões da doutrina cooperativista.
Toda segunda quarta-feira de cada mês há uma reunião para os membros e pessoas interessadas em conhecer suas diretrizes. Na próxima quarta-feira dia 11 de junho, às 19:30h haverá este encontro mensal e estamos, com muito prazer, aguardando a presença de todos para participar, falando ou ouvindo sobre a melhor forma de se praticar com coerência a solidariedade.
Nossa sede fica na Av. Lomanto Júnior, 648 - Pontal (Ilhéus) no prédio da Associação dos Ex-Combatentes do Brasil.
Nós os esperamos de braços e corações abertos!
A todos um divertido forró de São João!

Ilhéus, 08 de junho de 2008.

Walter Meireles - associado


Nenhum comentário: